Exposição em Itaí leva o público a uma viagem pelo Rio Paranapanema

A exposição “Rastreando o Paranapanema” chega a Itaí nesta quinta-feira (8/11). Até o dia 17 deste mês, o público poderá conferir, na Câmara Municipal, imagens captadas pelo piloto de aventuras Lu Marini durante expedição pelo rio Paranapanema.
Na mostra, o visitante é convidado a embarcar em uma viagem pela extensão do rio Paranapanema, considerado o mais limpo e um dos mais importantes do estado de São Paulo. Além de fotografias, a exposição reúne os equipamentos de voo utilizados pelo piloto. No local, o público também é convidado a assistir a um documentário sobre o rio.
Nesta quinta-feira, às 10h, Lu Marini ministra uma palestra sobre a aventura para alunos da Escola Estadual João Michelin.
Em 2016, Lu Marini explorou o Paranapanema durante 15 dias, começando pela região de Capão Bonito e terminando no município de Rosana, onde o rio encerra seu curso e desagua no Paraná. Ao todo, ele percorreu 987 quilômetros, passando por 18 cidades e somando 32 horas de voo, além de vivenciar experiências e ouvir relatos de moradores às margens do rio.
O projeto, desenvolvido pela Fly Comunicação, conta com patrocínio da CTG Brasil por meio do Programa Nacional de Apoio à Cultura (PRONAC).

Outras cidades
A exposição “Rastreando o Paranapanema” teve início no dia 15 de outubro, em Ourinhos. Depois de Itaí, a mostra itinerante segue para Paranapanema, última cidade da programação 2018, onde fica entre os dias 20 e 29 de novembro.

O piloto
Diretor, produtor e protagonista de diversos documentários para a TV, entre eles as séries de expedições “Rastreando” e “Pousos e Decolagens”, Lu Marini é piloto e instrutor máster de paramotor, recordista continental de altitude e o único piloto do mundo a sobrevoar um vulcão em atividade (Popocatépetl, no México). Já formou mais de 450 pilotos nos últimos anos e também é instrutor da Tropa de Elite da Marinha do Brasil.

Serviço
Rastreando o Paranapanema. De 8 a 17 de novembro, na Câmara Municipal de Itaí (Rua Tapy de Almeida, 625, Centro), em Itaí. Horário de visitação: segunda a sexta, das 8h às 18h. Gratuito.