Inauguração será dia 23. Investimento feito pela CTG Brasil permite melhorar estrutura e ampliar atrações do parque

Patrimônio natural de Santa Catarina, o Parque Estadual Rio Canoas (PAERC), antes com acesso restrito a grupos de estudantes para pesquisas, poderá agora ser visitado pela população em geral. A inauguração ocorreu dia 23 de novembro e dia 24 o parque foi aberto para visitação. A entrada é gratuita e o horário de funcionamento é das 9h às 17h, de quarta a sexta-feira; e das 13h às 17h, aos sábados e domingos.

A CTG Brasil, terceira maior geradora de energia do Brasil, por meio de recursos de Compensação Ambiental, ajudou a estruturar o parque. A compensação tem como base o termo de compromisso firmado entre a Rio Canoas Energia e a Fundação do Meio Ambiente (FATMA) para emissão da Licença Ambiental de Instalação da UHE Garibaldi, em Abdon Batista (SC), usina que é operada pela CTG Brasil.

Para nós, colaborar com a reestruturação e abertura do parque é motivo de satisfação, além de ser uma maneira de reforçarmos o nosso relacionamento com as comunidades nas regiões em que atuamos e de participarmos da vida delas de forma positiva, explica Aljan Machado, diretor de Meio Ambiente, Saúde e Segurança, Patrimônio e Qualidade da CTG Brasil.

Os investimentos da empresa permitiram a compra de um veículo 4×4 para o parque, equipamentos de monitoramento e pesquisa (GPS, armadilhas fotográficas, computadores, rádios, etc), contratação de serviços para extensão da rede elétrica e terraplanagens, construção de um Centro de Visitantes equipado com laboratório, auditório, copa e acomodações para pesquisadores, e melhorias em áreas de estacionamentos. A Brasiltambém cuidou da escolha de fornecedores, compras e logística de entrega de produtos e equipamentos ao parque e foi responsável pela contratação da ONG Grimpeiros, que fará a cogestão do PAERC por 24 meses junto com o Instituto de Meio Ambiente (IMA) de Santa Catarina.

“Também está em andamento o processo para a abertura de 4 km de uma nova trilha ecológica e uma torre de contemplação do Rio Canoas no interior do parque”, explica André Stank, coordenador de Meio Ambiente e Patrimônio da UHE Garibaldi.

Localizado no distrito de Ibicuí, no município de Campos Novos, o Parque Estadual Rio Canoas possui uma rica e exuberante biodiversidade, distribuída em mais de 4 mil hectares de áreas protegidas entre corredores ecológicos, áreas de preservação permanente e reservas legais, sendo que 1.100 hectares são de área de proteção permanente exclusiva do parque.

O parque é formado por uma vegetação nativa composta por araucárias, cedros, canela, angico, entre outras espécies de Mata Atlântica. Paredões rochosos, cânions e samambaias completam o cenário. Entre os animais, há desde espécies ameaçadas de extinção, como a onça-parda, o macaco-prego e o tamanduá, até aves como o papagaio-da-serra e o papagaio-de-peito-roxo, cuja sobrevivência está diretamente atrelada às araucárias.

Outros animais que podem ser observados durante um passeio no parque são veados, quatis, esquilos, cutias, macucos, jacutingas, arapongas, entre outros. “O parque tem papel vital na conservação dos recursos hídricos, no equilíbrio da fauna e da flora, além de ser um espaço para educação ambiental e contato direto com a natureza”, explica a bióloga Leila Denise Alberti, coordenadora de Unidades de Conservação do IMA.

A estrutura do PAERC será destinada a atividades de educação ambiental, sustentabilidade e pesquisa, bem como atividades recreativas ao longo das trilhas entre lagos naturais e em meio à vegetação nativa.

“O parque está sendo adequado para receber melhor pesquisadores e estudantes com projetos voltados a educação ambiental, bem como a comunidade, que tem interesse pela visitação a um local tão preservado e agradável”, completa Machado.

Serviço
Parque Estadual Rio Canoas (PAERC). Inauguração no dia 23/11, às 13h30.
Horário de visitação: De quarta a sexta-feira, das 9h às 17h; sábados e domingos, das 13h às 17h. Entrada gratuita. Grupos maiores, como escolas, universidades, entidades públicas e privadas, devem agendar a visita pelo telefone (49) 99836-4969 ou pelo e-mail grimpeiro.paerc@gmail.com.