IMG-20171207-WA0018

Usina Hidrelétrica São Manoel inicia operação em testes

A Usina Hidrelétrica São Manoel foi conectada ao Sistema Interligado Nacional (SIN) na noite desta segunda-feira (05) quando iniciou a operação, em testes, da sua primeira turbina hidrelétrica, antecipando o prazo previsto de maio de 2018 estabelecido nos contratos de comercialização de energia elétrica no ambiente regulado (CCEAR). A obra é uma parceria entre a CTG Brasil, EDP Brasil e Furnas Centrais Elétricas.

O empreendimento, construído no Rio Teles Pires, na Divisa do estado do Mato Grosso com o Pará, opera a fio d’água, configuração na qual há baixo reservatório acumulado para a geração de energia. As obras tiveram início em setembro de 2014 e, até o terceiro trimestre, receberam investimentos de R$ 3,3 bilhões. Serão quatro unidades geradoras com 175 megawatts (MW) de capacidade instalada cada, totalizando 700 MW de potência, energia suficiente para atender uma população de cerca 2,5 milhões de pessoas.

“Continuamos trabalhando com um cronograma de antecipação das outras três máquinas”, afirma Luiz Otavio Henriques, presidente da Empresa de Energia São Manoel.

Espera-se para as próximas semanas a Declaração Comercial de Operação (DCO) emitida pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), com a qual a usina estará apta a negociar a energia e reforçar o sistema. Os contratos de venda de longo prazo assinados quando o empreendimento foi leiloado precisam ser cumpridos somente a partir de maio de 2018 e, por isso, o volume produzido até lá será liquidado no mercado de curto prazo ou comercializado em contratos bilaterais.